no local

--------------------------------* OS DESENHOS DESTE BLOGUE RESULTAM DA OBSERVAÇÃO DIRETA E FORAM FEITOS NO LOCAL *

terça-feira, 21 de maio de 2019

Praia da Viola

São Miguel está diferente, ao fim de semana apetece fugir ao « formigueiro»... há muito que não ia à praia da Viola e que bem que se esteve ali, a Maia encanta. O meu pequeno «Castor» divertiu-se à grande a construir pontes e diques junto ao mar.

(Lápis de cor, caneta califráfica, grafite e aguarela)                                                                                                                                       «insitu»

domingo, 19 de maio de 2019

Bateria do Pico da Castanheira


Visitámos a Bateria do Pico da Castanheira na Grotinha e fomos, simpaticamente, acompanhados pelo Sargento Chefe Júlio Santos e pelo soldado Rodrigo Pereira que tiveram imensa paciência
©Luís Caetano

com o grupo. O local, para além da importância que teve como ponto estratégico-defensivo de Ponta Delgada, tem uma vista incrível sobre a cidade. A panorâmica começa - à esquerda - com a Serra de Água de Pau e termina - à direita - com a Nordela a abraçar toda a Pista do Aeroporto João Paulo II. A Bateria precisa de ser preservada e a área mantida limpa, é necessário que se veja o estado daquelas peças antes que seja tarde demais. Nesta região onde humidade abunda e é salgada, a oxidação existente nas zonas por ela decapadas tende a aumentar. É pena que ali não se faça um miradouro com jardim a dar para a maior e mais ampla vista sobre a cidade aproveitando ainda, a Bateria existente como núcleo museológico a integrar os roteiros turísticos ou um trilho de dificuldade mínima com interesse histórico-militar.
Quanto aos desenhos, fi-los todos no local, mas a alguns, a cor dei-a em casa. Num dos desenhos ainda consegui apanhar a Maria João Ruivo sentada na “pradaria” a escrever e também a Ana Cristina Zeferino Arruda que saltitou entre o desenho e a escrita. A tarde foi serena e muito agradável.



(Lápis de cor,  caneta califráfica, aguarela e marcador)                                                                                                                       «insitu»

sábado, 18 de maio de 2019

Grupo Central



TERCEIRA: Praia da Vitoria & Angra do Heroismo
TERCEIRA: Império em Praia da Vitoria.
Enquanto estava a desenhar, o TVi filmava-me e o desenho. Eles estavam a filmar um documentario sobre Terceira e os Impérios.
Vão emitir no Jornal das 8, no dia 21 ou 28.

TERCEIRA: Império em Angra do Heroísmo

TERCEIRA: Angra do Heroismo
TERCEIRA: aeroporto
GRACIOSA: St. Cruz de Graciosa
MarieOdiel van Rhijn

domingo, 12 de maio de 2019

Sete Cidades...


47º Encontro UskP Açores - Museu Carlos Machado - Exposição Canto da Maya


Dia Internacional dos Centros Históricos





Pretexto



A pretexto de experimentar a minha caneta, ponta de pincel zebra (substituta da que me ofereceram no simpósio usk no Porto) que vem a ser um belo e apaixonante marcador Japonês, fui até Água d'Alto e enquanto o meu filho me convencia para uma jogatana de futebol na praia, aproveitei para registar o momento. Depois demos um salto a Vila Franca do Campo para o «Bevita» sabatino. A Vila estava em festa, mas fixei-me no jardim em frente à Câmara... voltarei para desenhar as Magnólias.

(Lápis de cor,  caneta califráfica e marcador)                                                                                                                      Mais aqui   «insitu»

segunda-feira, 6 de maio de 2019

47º Encontro UskP Açores - Museu Carlos Machado - Exposição Canto da Maya




Senhora do Pranto, Nordeste

Em São Pedro do Nordestinho, no fim da canada e inscrita numa pastagem que finda na falésia sobranceira ao mar - destaca-se a Senhora do Pranto. De tez singela, esta Ermida - fundada em 1523 - surge associada a uma lenda nascida com o grande terramoto que abalou São Miguel em 1522 e com o surto de peste que se lhe seguiu. Ao longo do caminho de acesso encontram-se painéis de azulejos com os passos da Via Sacra.
(Lápis de cor, grafite, caneta califráfica e aguarela)                                                                                                                                         «insitu»

quinta-feira, 2 de maio de 2019

48º Encontro de Diários Gráficos, USk P Açores, São Miguel

A Bateria do Pico da Castanheira, oficialmente denominada como Prédio Militar nº 003/ Ponta Delgada, foi erguida no contexto da Segunda Guerra Mundial, com a função de defesa da cidade de Ponta Delgada, nomeadamente o porto junto ao Forte de São Brás. Deveria atuar contra quaisquer navios de forças agressoras, quer de transporte de tropas, quer de escolta, assim como deveria apoiar as forças defensivas terrestres na costa norte da ilha.
A visita ao local será acompanhada pelo Sargento Chefe Santos.
..........................................
Etiquetas:
nome do sketcher
Bateria do Pico da Castanheira,
Encontro 48 USkP Açores,
São Miguel,
2019