domingo, 13 de dezembro de 2015

Dia de sol


Quando as nuvens -finalmente- nos abandonam, a ilha irradia luz e cor, Ponta Delgada fica magnífica. Tudo se torna alvo de atenção, fico tonta só de...olhar. O ar torna-se menos denso e respirável e a temperatura é de encantar. Ahhh, que bom que é viver à beira-mar!
(Caneta caligráfica EF e lápis de cor)                                                                                                                    | mais aqui: «in situ» |

Sem comentários: