domingo, 12 de novembro de 2017

Desenhar com (IV) Francisco Cogumbreiro


          Fechei a porta de casa apressadamente, pisei o acelerador do carro e somente com umas canetas de tinta da china e com o meu diário segui viagem até ao Jardim Botânico José do Canto.  Começada a sessão fiquei entusiasmada, não só com a procura de sementes com formas tão naturais e orgânicas, como também com os materiais que o Francisco Cogumbreiro disponibilizou. Uma partilha que dinamizou os diários e proporcionou novas experiências. Adorei as pedras de Tinta da China...e o meu cogumelo também.






E a manhã brindou-nos com um pouco do verão de São Martinho...



1 comentário:

Celeste Vaz Ferreira disse...

Muito bonito este resultado com esta técnica.